Regulamento

 

1. Submissão

A submissão deve ser feita diretamente na plataforma disponível no site do 49º Congresso da SBCCV (www.sbccv.org.br/49congresso). Não serão aceitos resumos enviados por e-mail ou em papel.
Plataforma SBCCV – o sistema estará disponível no site do 49º Congresso da SBCCV a partir do dia 25 de novembro de 2022 e será encerrado às 24 horas (horário de Brasília, Distrito Federal, Brasil) do dia 31 de janeiro de 2023.
Para que os trabalhos sejam avaliados pela Comissão Julgadora de Temas Livres, é imprescindível que todas as orientações deste regulamento sejam seguidas rigorosamente.

 

 

Atenção:

RELATOS DE CASOS SERÃO ACEITOS APENAS PARA APRESENTAÇÃO NO 12º CONGRESSO ACADÊMICO EM CIRURGIA CARDIOVASCULAR.

RELATOS DE CASOS SUBMETIDOS PARA APRESENTAÇÃO NAS SESSÕES DO 49º CONGRESSO DA SBCCV SERÃO AUTOMATICAMENTE EXCLUÍDOS.

 

Regras para digitação – somente serão analisados pela Comissão Avaliadora de Temas Livres os resumos convencionais das categorias Original e Revisão Sistemática que estiverem estruturados da seguinte forma:

 

  • Título
  • Autores
  • Instituição e cidade de origem
  • Fundamento – o marco teórico que levou à realização do trabalho deve ser claramente descrito em uma ou duas frases. Neste item, alguma referência bibliográfica, se for fundamental ao estudo, pode ser citada no próprio texto. Exemplo: "Fulano de Tal (Arq Bras Cardiol., 1994;62:17-22) descreveu elevada prevalência".
  • Objetivo – enunciar claramente o tema investigado, de preferência indicando a hipótese a ser testada.
  • Material e Método – descrever as características da amostra estudada, fundamentais ao desenvolvimento do trabalho, bem como o método utilizado para coleta de dados e as intervenções realizadas.
  • Resultados – devem ser apresentados em detalhe razoável, de modo a justificar as conclusões.
  • Conclusão – devem constar apenas as conclusões amparadas nos dados concretos dos Resultados e que respondam aos objetivos do trabalho. Quando os resultados justificarem implicações clínicas, poderão acompanhar as conclusões. Indicar claramente se as conclusões são ou não definitivas.

 

Relatos de Casos deverão ser apresentados de forma estruturada:

 

  • Introdução – descrever o que motivou a apresentação do caso, de modo sucinto, com uma ou duas frases.
  • Método – incluir a descrição do caso.
  • Discussão – comparar o caso relatado com outros porventura existentes na literatura.
  • Conclusão – demonstrar características do caso relatado em uma ou duas frases.

 

2. Classificação

Atenção:

A. O número máximo de autores permitido será de seis (06), incluindo o autor submissor para os Temas Livres. Não será permitida a troca de nome de autores ou a inserção de um novo nome de autor após a submissão do trabalho no sistema.
B. O sistema disponibiliza até 552 palavras com espaçamento. Todo o conteúdo que exceder o limite estabelecido será desconsiderado pelo sistema.
C. Serão aceitas até três (03) abreviaturas diferentes em cada tema, destacadas entre parênteses, após a palavra completa.
D. Não serão aceitas para apresentação Revisões da Literatura não sistemáticas.
E. Conferir atentamente as informações, os títulos e os nomes de autores e coautores antes do envio. Não será possível a modificação posterior, sendo estes os nomes que serão descritos no certificado.
F. Os Resumos poderão ser enviados em português ou inglês.
F1. Os trabalhos submetidos ao Congresso cuja primeira Instituição citada for brasileira devem ser redigidos, obrigatoriamente, em português. Se aprovados, também devem ser apresentados em português.
F2. Trabalhos realizados por autores (brasileiros ou não) em Instituições estrangeiras e partes de ensaios clínicos multicêntricos com coordenação estrangeira, se aprovados, não concorrerão aos prêmios do congresso.
G. Os Temas Livres que não forem enviados e/ou estiverem em modo rascunho não serão submetidos ao julgamento.
H. Os Temas Livres serão avaliados de maneira cega pela Comissão Avaliadora de Temas Livres, especificamente designada para tal, e classificados de acordo com os conceitos obtidos.

 

 

3. Avaliação

O processo de seleção será realizado conforme especificação a seguir:

 

  • Revisão e Avaliação – todos os resumos recebidos que estiverem de acordo com este regulamento serão avaliados pela Comissão Avaliadora de Temas Livres.
  • Dinâmica de Avaliação – os resumos aceitos para avaliação serão encaminhados de maneira cega quanto a autoria e Instituição para a Comissão Avaliadora de Temas Livres.
  • Seleção – a lista dos resumos selecionados será publicada no site do Congresso na primeira semana do mês de maio.
  • Apresentação – concluída a etapa de julgamento, o autor responsável pela submissão do trabalho aprovado receberá a carta oficial de aceite, em formato eletrônico, com todas as informações sobre sua apresentação. Será de responsabilidade do autor comunicar a aprovação aos coautores do trabalho.
  • Os critérios para julgamento estão descritos na Tabela 1.

 

4. Apresentação

  • A apresentação será em ordem sequencial, conforme lista a ser divulgada no Programa Oficial.
  • O apresentador deverá ser o autor principal ou coautor do trabalho. Salientamos que cada autor poderá ser o apresentador de apenas um (01) trabalho durante o Congresso.
  • Autores com mais de um trabalho aprovado deverão indicar substitutos para os demais Temas Livres, sob pena de não ter a apresentação liberada durante o evento.
  • A Coordenação do Congresso solicita que os apresentadores estejam presentes durante toda a sessão, pois eventuais não comparecimentos poderão vir a alterar a ordem de apresentação.
  • Cada trabalho irá dispor de oito (08) minutos para apresentação, destinados para explanação do autor, seguidos de dois (02) minutos para considerações do comentador (sem slides), dois (02) minutos para réplica e três (03) minutos para a plateia.
  • Na Sessão Especial de Temas Livres, o autor deverá enviar ao comentador seus slides de apresentação até 10 dias antes do evento, ou não concorrerá à premiação.
  • O não comparecimento do apresentador à Sessão de Temas Livres ensejará a suspensão do direito de submissão e apresentação de trabalhos nos Congressos da SBCCV por três (03) anos.

 

5. Premiação

Os trabalhos que obtiverem as maiores notas concorrerão automaticamente à premiação do Congresso, que será entregue aos três (03) primeiros colocados após análise e julgamento efetuados pelos membros da Comissão Julgadora.
A Premiação será:

 

  • 1º colocado – certificado e inscrição para o 50º Congresso da SBCCV.
  • 2º colocado – certificado.
  • 3º colocado – certificado.

 

6. Certificado

Será fornecido um (01) certificado por trabalho aprovado, em que constará o nome de todos os autores

 

 

7. Publicação

Os resumos dos trabalhos aprovados serão publicados no Suplemento Especial do Congresso, em formato exclusivamente online.
Os trabalhos completos apresentados no Congresso poderão ser submetidos ao Brazilian Journal of Cardiovascular Surgery (BJCVS), caso seja de interesse do autor e seguindo as normas de publicação. Em caso de dúvidas e para esclarecimentos, deve-se entrar em contato com a secretaria do BJCVS: bjcvs@sbccv.org.br.

 

 

Critérios para julgamento

Tabela 1. Padronização das notas dos Trabalhos.

 

Nota Conceito Parâmetros
10 Excepcional Conceito e resultados originais com resultados e achados relevantes ou inéditos
9 Excelente Achados podem ampliar futuras investigações; tema com conceitos e resultados adequados, já conhecidos, mas muito bem apresentados
8 Muito bom
7 Bom
6 Mediano Resultados bem conhecidos, repetitivos e/ou apresentados de maneira inadequada ou pobre
5 Fraco
4 Ruim Apresentação ruim em fundamento, objetivos, métodos e/ou conclusão
3 Muito ruim
2 Rejeitado Série repetida, fragmentada a partir de uma maior ou sem o seguimento da formatação eletrônica obrigatória
1 Não deveria ter sido submetido

Tabela 2. Padronização das notas dos Relatos de Caso.

 

Nota Conceito Parâmetros
5 Excelente Caso original, raro, investigação minuciosa, relatado de forma precisa
4 Bom Caso original, interessante, porém com falhas em algum dos seguintes aspectos: diagnóstico, investigação ou descrição
3 Mediano Interessante pelo poder didático, mas de ocorrência não rara, investigação e/ou descrição com limitações
2 Ruim Caso bem relatado, mas não acrescenta ao congressista nem pela originalidade nem pelo poder didático
1 Rejeitado Caso de ocorrência frequente, diagnóstico questionável, investigação pobre, descrição ruim